Uma boa idéia…..

 

O programa “Escolas de Bicicletas”, único de formação de ciclistas urbanos do mundo, criado pela Secretaria Municipal de Educação de São Paulo , já tem alunos formados, que passam a fazer o trajeto casa-escola com bicicletas de bambu.

Cada Escola de Bicicleta terá até o fim de 2012, cem alunos ciclistas, entre 12 e 14 anos, que farão diariamente o trajeto casa-CEU-casa em comboios de 15 a 25 estudantes. Dentro da escola eles têm paraciclos para o estacionamento das bikes e monitores treinados pela secretaria e pelo Instituto Parada Vital, que ensinam desde noções de equilíbrio até regras de trânsito e manutenção das bicicletas. Ultrapassados os muros da escola, os alunos ganham juntos as ruas do bairro, em ciclo-rotas criadas por uma equipe do CEU, pedaladas e aprovadas por ciclistas experientes.

A Secretaria Municipal de Educação e o Instituto Parada Vital formularam uma metodologia conjunta para treinar e capacitar monitores que atuam diretamente com os alunos nos CEUs. Além de conhecimentos sobre legislação, normas e regras de trânsito na cidade de São Paulo, os monitores tiveram curso de primeiros-socorros, aprenderam sobre a mecânica das bikes e estão capacitados a ensinar o aluno a pedalar, ter equilíbrio, autonomia com as mãos, entre outros aspectos cognitivos.

O caderno de um aluno que faça parte do projeto Escolas de Bicicleta tem lições sobre legislação de trânsito, transporte sustentável, estilos e modalidades de bicicleta, oficina de mecânica e montagem, história e cultura da bicicleta, educação ambiental, e até orientações sobre liderança e mediação de conflitos. Terminadas as anotações, é hora de subir na magrela e treinar equilíbrio, postura e resistência. Até mesmo a criança que nunca andou de bicicleta pode se tornar um aluno-ciclista. “Com o novo projeto temos mais segurança para andar nas ruas. E vamos mostrar para as pessoas como andar de bicicleta é legal e bom para o meio ambiente”, diz Edmilson Henrique Ferreira, 15 anos, o novo ciclista da Escola de Bicicleta do CEU São Mateus.

Os principais critérios para a escolha dos jovens são: ser aluno da escola de Ensino Fundamental do CEU; ter prioritariamente entre 12 e 14 anos; morar no entorno da ciclo-rota indicada e ter o consentimento dos pais. Ao final de um mês de aula, cada aluno recebe um certificado, entregue na presença dos pais, para que possa, a partir daí, fazer o trajeto diário casa-CEU-casa, com seus colegas. Gostei e serviria para todo país.

 

Anúncios

~ por renatomey em 28/07/2012.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: