É seguro tirar a parte podre de um alimento e comer o resto?

 

Aquele pedaço de queijo já habita sua geladeira faz um bom tempo e desenvolveu uma capa peluda e verde de fungo. Mas você está com fome – muita fome. É seguro tirar a parte podre e comer o resto?

 

Saiba que o fungo não é só aquela parte verde, branca, azul (ou seja lá qual for a cor mais recorrente na sua geladeira) que conseguimos ver a olho nu. Esses são apenas os esporos. Normalmente o resto do fungo (os galhos e as raízes) é bem mais difícil de ver e pode ter se propagado profundamente na sua comida.

Sendo assim, cortar a parte podre da comida não vai impedi-lo de estar engolindo uma boa quantidade de fungo. A maioria dessas “criaturas” não são perigosas, mas sempre há aqueles que devem ser evitados. Eles contém algumas toxinas que podem causar problemas respiratórios e reações alérgicas. Uma dessas toxinas, especialmente, conhecida como aflatoxina é suspeita até de causar câncer.

As toxinas mais perigosas costumam estar presentes em fungos que crescem em grãos (elas costumam aparecer bastante no amendoim salgado que compramos pronto, quando este já passou do prazo de validade ou não foi preparado corretamente), mas também podem ser encontradas em frutas e no suco de uva.

Para manter os fungos longe de seus alimentos você deve:

  • Cobrir os alimentos para que eles não entrem em contato com os esporos de fungo que o ar carrega
  • Refrigerar a comida apropriadamente
  • Comer sobras de, no máximo, três dias de “idade” – quando não forem congeladas.
Anúncios

~ por renatomey em 20/07/2011.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: